No canto da porta

Não passou o fim de semana e já haviam arrancado um desenho que preguei na parede da faculdade. Eu entendo a efemeridade das intervenções. Não entendo o grau do incômodo. Não sei da razão que a pessoa internaliza na hora de rasgar a pintura, por quem ela o faz…  Ano passado o pessoal pintou o chão da … Mais No canto da porta

Melancia

Instalou a melancia na mesinha desconfortável de pedra bem visível, no centro do comedouro do shopping. Armou-se com a colher de plástico emprestada pelo caixa do mercado e anunciou: — Hoje vocês vão ver um estrago! Melancia de supermercado já vem fatiada e era um pedaço bom por apenas dois reais — que quando passou … Mais Melancia